Buscar
  • Redação Escritório

CORES NA ARQUITETURA



Cada ambiente tem uma função na vida das pessoas, e as cores utilizadas em cada um deles são de suma importância para que suas sensações sejam estimuladas da melhor forma.

Para definir as Cores, devem ser analisadas as necessidades e estilos pretendidos, para alcançar uma paletas de cores, a fim de gerar um ambiente harmonioso e sofisticado.

Existem uma infinidade de paletas, que podem ser combinadas de várias formas, e podem influenciar desde o humor, até mesmo incentivar a criatividade, quando necessário. Além disso, ainda variam em relação a tonalidades quentes e frias, que também alteram o sentido do ambiente, conforme Círculo Monocromático abaixo:


Fonte: http://reformavisual.com/circulo-cromatico/ , acessado em 19/09/2019.

Para garantir que as cores sejam utilizadas de forma correta, existem algumas proposta de combinações, que podem ser utilizados para alcançar uma proposta bem interessante, e sem confundir as sensações a serem escolhidas. Segue abaixo as variações de uso das cores:


Fonte: https://revistacasaejardim.globo.com/Casa-e-Jardim/Dicas/noticia/2017/03/circulo-cromatico-aprenda-combinar-cores-na-decoracao.ht ml , acessada em 19/09/2019

Além das cores do círculo monocromático, outros tons se destacam no uso, visto que são consideradas neutras, já que podem ser combinadas com a maioria dos tons, e que são “coringas”, sendo as cores: BRANCO, PRETO, CINZA E MARROM.



BRANCO:

Possui uma sensação de limpeza, paz, luminosidade, simplicidade; pode ser combinado com qualquer tom, e geralmente aparece no piso, parede e teto. Essa cor casa uma sensação de amplitude no ambiente, porém quando utilizado demais, podem trazer certo desconforto, devido a quantidade luminosidade, então é interessante sempre utilizar com outras opção, para que o ambiente fique mais harmônico.


Fonte: Arquivo Escritório.

PRETO:

Traz uma sensação de imponência e sofisticação. Não permite que entre luminosidade, e podem deixar o ambiente com a sensação térmica mais quente, devido ao fato de absorver quase todos os raios que incidem sobre ele. Muito utilizado no teto em ambientes com pé direito mais elevado, visto que diminui sua altura, traz uma sensação conforto, e permite um

espaço mais moderno.


Fonte: Arquivo Escritório.

CINZA:

Retrata o meio termo entre as cores preto e branco, desta forma se comporta por um ambiente que permite a luminosidade, porém de maneira mais suave, já que não reflete com tanta intensidade. Normalmente utilizada nas paredes ou piso (porcelanato), possui grande procura no mercado, devido ao fato de representar um ambiente mais industrial e

permite que outros tons se tornem o destaque do ambiente.


Fonte: Arquivo Escritório.

MARROM:

Esse tom é muito utilizado, principalmente em interiores, devido ao uso da madeira, que normalmente remete ao tom de marrom, e que apresenta um sentimento de conforto e melancolia. Traz a aproximação com a natureza, visto que possui relação com tons de terra. Pode ser utilizado no piso através do laminado, e também pode aparecer na parede e teto.


Fonte: Arquivo Escritório.

28 visualizações